Fechar
Kyoto, Lago

Arashiyama e Sagano Bamboo

10 de junho de 2016

No nosso segundo dia em Kyoto fomos conhecer Arashiyama, um lugar calmo que parece um vilarejo do interior com muita natureza paz e tranquilidade. Fica bem pertinho de Kyoto, uns 15 minutos de trem.

Eu me encantei quando vi as fotos de lá, um barquinho velejando num rio azul, com árvores lindas e montanhas ao fundo. Quando fomos era dia 31/12 e acho que por isso não tinha nenhum barquinho. Queria tanto!

Mas mesmo assim o lugar é fofo, com muita natureza, um centrinho charmoso cheio de lojinhas e restaurantes legais.

Arashiyama é linda no outono, quando as árvores ficam cheias de folhas de diferentes tonalidades. Uma boa pedida é fazer um passeio de trem chamado Sagano Scenic Railway. Não fizemos porque no inverno ele não funciona.

Para chegar pegue a linha Sagano do JR e desça na estação Saga-Arashiyama. Ou ônibus 28 na Estação de Kyoto.

Mais um ponto positivo para a localização do nosso apartamento em Kyoto, que ficava a apenas duas estações de Arashyama.

O que fazer

Sagano Bamboo

Sagano Bamboo é um bosque de bambu considerado um dos atrativos naturais mais incríveis do Japão.  Aconselho acordar bem cedo nesse dia e ir direto para Sagano Bamboo, o lugar mais procurado de Arashiyama. Saindo da estação Saga-Arashiyama você verá placas indicando o caminho pra lá. Fica bem pertinho, uns 5 a 10 minutos caminhando.

A floresta Sagano Bamboo era um dos lugares mais esperados por mim, porque eu sempre via fotos lindas desse lugar e ficava impressionada com a beleza.

Meu único problema foi achar que só eu queria ver o Sagano Bamboo. Quando cheguei lá estava super cheio e não parava de passar gente. Quase não consegui tirar foto.

Dica: Se quiser pegar o Sagano Bamboo vazio, acorde bem cedo e aproveite essa floresta só pra você.

bamboo grove

Templo Tenryu-ji

Ao lado da Floresta Sagano bamboo está o Templo Tenryu-ji, um templo muito procurado em Kyoto e que conta com um jardim belíssimo. Adorei esse jardim, as fotos aqui ficam lindas com esse lago e as montanhas no fundo.

arashiyama sagano bamboo grove

arashiyama-kyoto (10)

arashiyama-kyoto (3)

arashiyama-kyoto (4)

Horário de Funcionamento: 8:30h às 17:30h

8:30h às 17h – Outubro a Março

Entrada: 500 ienes

Depois aproveite para caminhar pelo bosque e vá até o observatório para ver a cidade de cima. A trilha é curtinha e tem placas indicando o caminho.

arashiyama bamboo grove

Siga beirando o rio até a Ponte , é uma delícia caminhar por Arashiyama, aqui o tempo passa mais devagar e você aproveita para curtir o clima agradável do lugar.

Aproveite para fazer uma pausa e comer em algum lugar bacaninha. Nós comemos um sobá e estava uma delícia. Foi bem barato, uns 300 ienes.

arashiyama-kyoto (11)

arashiyama-kyoto (14)

arashiyama-kyoto (15)

arashiyama-kyoto (16)

arashiyama-kyoto (17)

arashiyama-kyoto (18)

arashiyama-kyoto (19)

arashiyama-kyoto (20)

arashiyama-kyoto (23)

Castelo Nijo

De Arashiyama fomos de trem até o castelo Nijo, mas estava fechado por causa do feriado 31/12. No Japão quase não tem feriado, um dos poucos é o Ano Novo, em que muitos lugares fecham as portas.

Tiramos algumas fotos do lado de fora mesmo. Acabou sendo uma perda de tempo porque poderíamos ter ido direto para Gion.

kyoto-188

Gion

Gion é um bairro imperdível em Kyoto. Largas Avenidas cheias de lojas de grife, galerias enormes, ótimas para fazer umas comprinhas com várias lojinhas legais e restaurantes. É um bairro bem diferente, ao lado de uma Avenida com prédios enormes tem ruelas estreitinhas com restaurantes charmosos. Aqui é o lugar certo para ver uma gueixa de verdade, nas inúmeras casas de chá espalhadas pelo bairro.

À noite o bairro fica bem animado, é bem legal caminhar pelas ruas de Gion.

kyoto-196

kyoto-193

 

0 Comentários
Escreva seu comentário
Comente via facebook
Instagram
@seguindo_viagem
css.php