Fechar
Ásia, Myanmar

O que fazer em Bagan – a jóia do Myanmar

09 de maio de 2018

Bagan é a principal razão que leva os viajantes ao Myanmar. A silhueta de seus milhares de templos à luz do sol é um dos cenários mais impressionantes da Ásia. Veja nesse post o que fazer em Bagan.

o-que-fazer-em-bagan

Capital do antigo Império Pagan entre os séculos XI e XII, Bagan possuía mais de 10.000 templos e hoje tem em torno de 3 mil deles. Bagan está localizada no Vale do Rio Ayeyarwady e compreende a cidade de Nyaung U, onde está o aeroporto e a maior parte dos hotéis, Old Bagan, antiga vila onde estão os templos mais importantes, e New Bagan, parte nova, para onde os moradores foram realocados.

Nascer do sol no alto de um templo em Bagan

Nascer do sol no alto de um templo em Bagan

Leia mais sobre o Myanmar no post: Dicas do Myanmar

Como chegar em Bagan

É possível chegar em Bagan de avião ou de ônibus. Bagan possui um aeroporto, mas é apenas para voos domésticos. Dessa forma, você precisa comprar uma passagem para Yangon ou Mandalay, que recebem voos internacionais.

Eu comprei um voo da Air Asia de Kuala Lumpur para Yangon e optei por viajar para Bagan de ônibus noturno. Cheguei em Yangon pela manhã, passei o dia conhecendo a cidade e à noite fui para Bagan. Escolhi essa opção porque li vários relatos de pessoas que fizeram dessa forma.

Comprei a passagem pela internet com a empresa JJ Express Bus Myanmar. A compra da passagem é um pouco estranha, porque você só recebe o bilhete mais próximo da viagem, mas não se preocupe, dá certo no final. Comprei ida e volta Yangon – Bagan e Bagan – Yangon. Se estiver viajando sozinho vale a pena comprar a poltrona VIP, que é individual.

O ônibus era muito bom e confortável e eles deram lanchinho de bordo e cobertor. A viagem dura cerca de 10 horas e faz uma parada técnica para ir ao banheiro e comprar alguma coisa.

O bom de ir de ônibus é que ele chega de madrugada, já perto do horário do nascer do sol e a maioria do pessoal que chega já vai assistir ao nascer do sol de cima de algum templo e depois vai pro hotel.

No desembarque do ônibus tem vários taxistas que ficam esperando os turistas e eles já sabem desse esquema de ir primeiro ver o nascer do sol. Combinamos o valor e dividi a corrida com uma menina que também estava indo pro Ostello Bello, o valor total foi 30.000 KYAT;

A volta para Yangon foi bem tranquila também. O ônibus da JJ me pegou no hostel. O pessoal do hostel liga para a empresa informando que tem passageiro pra pegar lá e passam o horário que você tem que estar pronta. Achei bem prático esse serviço.

Onde ficar em Bagan

Bagan tem opções para todos os gostos, desde hostels a hotéis luxuosos. Se você for um viajante econômico recomendo o Ostello Bello Bagan, um hostel excelente, confortável, bonito e super alto astral. O que mais gostei foi que eles tem várias atividades para os hóspedes, como yoga, Free Tour pelos templos, nascer e pôr do sol, passeio de barco, Happy Hour. Algumas são gratuitas e outras são pagas, mas com um precinho bem camarada.

Ostello Bello Bagan

Ostello Bello Bagan

O dono do hostel é italiano e o restaurante de lá serve uma massa deliciosa. Tem até um horário que eles servem uma degustação da massa de graça.

onde-se-hospedar-em-Bagan

Outra coisa legal é que eles tem uma área no terraço com várias camas disponíveis pro pessoal que chega antes do horário do check-in poder descansar. Pra quem viajou de ônibus e madrugou pra ver o nascer do sol é uma maravilha.

O hostel é muito bem localizado, perto de vários restaurantes. A comida em Bagan lembra um pouco a comida indiana, mas com uns temperinhos diferentes. É um pouco apimentada e tem muita opção com curry. Eu acabei não indo a muitos restaurantes, jantei uma vez no Ostello Bello e uma noite no Silver Star, comi um Chicken Curry bem gostoso. Apesar do Myanmar ser considerado um país mais caro, para os padrões do sudeste asiático, comer lá é bem barato. Um prato num restaurante bom gira em torno de 5, 7 dólares.

Ruas de Bagan - Myanmar

Ruas de Bagan – Myanmar

Se você pode investir um pouco mais num hotel que é uma verdadeira experiência recomendo o belíssimo Aureum Palace Hotel e Resort Bagan, localizado bem no meio dos templos da Old Bagan. A piscina de borda infinita com vista para os templos é um sonho.

Piscina de borda infinita do Aureum Palace Hotel Bagan

Piscina de borda infinita do Aureum Palace Hotel Bagan

Dentro do hotel tem uma torre de observação, onde é possível ter uma vista em 360° da cidade. A torre é aberta também para não hóspedes, mas é cobrada a entrada para esses. Já os hóspedes não pagam entrada. Os melhores horários para visitá-la são durante o nascer e o pôr do sol. Lá no alto da torre funciona um restaurante.

Torre de Observação do Aureum Palace Hotel Bagan

Torre de Observação do Aureum Palace Hotel Bagan

Taxa de entrada

Assim que chegar em Bagan, você terá que pagar uma taxa de 15 dólares, para entrar na cidade e em todos os templos da Old Bagan. O bom é que você paga essa taxa uma vez só e não fica toda hora pagando entrada nos templos.

Quantos dias ficar em Bagan

No mínimo dois dias, para conseguir passear com calma. Fique 3 dias para uma visita mais completa.

O que fazer em Bagan

Nascer do Sol no alto de um templo

Recomendo que essa seja a primeira coisa que você faça em Bagan. Vale a pena acordar cedo e presenciar o espetáculo do amanhecer no alto de um templo. É um momento muito mágico e o legal de ser a primeira coisa é que será muito mais impactante ver todos aqueles templos pela primeira vez iluminados pelos raios de sol.

E logo depois observar os balões tomarem conta do cenário deixando esse momento ainda mais perfeito.

o-que-fazer-em-Bagan

o-que-fazer-em-Bagan

Balões sobre os templos de Bagan

Visitar os inúmeros templos

É impossível visitar todos, pois são mais de 3 mil templos. Alguns são mais famosos, como o Ananda, mas eu particularmente gostei dos menores e mais escondidos. No nosso hostel nos recomendaram visitar um templo que tinha um portão trancado e para entrar era preciso passar por baixo da grade. Foi uma aventura muito legal.

o-que-fazer-em-Bagan

o-que-fazer-em-Bagan

Alguns dos templos mais importantes são: Ananda, Shwezigon, Htilominlo, Dhammayangyi, Thatbyinnyu, Gawdawpalin, Gwe da Pan, Mingalazedi, Sulamani, Kyat Kan Cave Monastery, Payathonzu, Gubyauk Gyi.

Templo Ananda - Bagan

Templo Ananda – Bagan

Templo Ananda - Bagan

Templo Ananda – Bagan

o-que-fazer-em-Bagan

o-que-fazer-em-Bagan

artesanato-Bagan

Artesanato em Bagan

É legal observar o movimento do lado de fora dos templos, com várias barraquinhas de artesanato, roupas, comidas.

O que fazer em Bagan

Passear sem rumo com a sua e-bike

A melhor forma de explorar Bagan é alugando uma e-bike para andar livremente sem rumo, se perdendo pelas ruas de terra, parando onde quiser e entrando nos templos que preferir.

Andando de e-bike em Bagan

Andando de e-bike em Bagan

Eu adorei andar de e-bike, é uma sensação de liberdade, me senti num filme passeando por entre os milhares de templos. No começo fiquei apreensiva pois eu nunca tinha andado, mas na hora de alugar, eles te ensinam e deixam você fazer um test drive. Nessa hora eu vi que era bem fácil mesmo, parece uma bicicleta, só que motorizada, e perdi o medo. Eu aluguei a e-bike por meia diária e paguei 3.000 KYAT, o equivalente a 3 dólares (1 USD equivale a 1.000 KYAT).

Andando de e-bike em Bagan

Andando de e-bike em Bagan

Voar de Balão

Sem dúvida um dos passeios imperdíveis em Bagan é voar de balão. Sobrevoar aqueles templos milenares ao nascer do sol é algo indescritível. O preço é bem salgadinho, mas como eu nunca tinha andado de balão e era meu sonho, achei que seria uma ótima oportunidade voar de balão pela primeira vez num lugar especial. Fiz o voo com a Ballons Over Bagan e atualmente eles possuem 2 serviços, o voo clássico que custa 350 USD e o Premium que custa 450 USD. Esse passeio só acontece de outubro a março, então se você quer muito fazer o voo de balão, agende sua viagem para esse período.

Voo de Balão em Bagan

Voo de Balão em Bagan

Voo de Balão em Bagan

Voo de Balão em Bagan

O que fazer em Bagan

Pôr do Sol no barco pelo Rio Ayeyarwady

Esse passeio eu descobri no Ostello Bello e fui com a galera do hostel. Eles vendem esse passeio como uma alternativa diferente para quem já está cansado de ver só templos e mais templos. Eles te pegam no hotel e te levam até o barco, onde é servido um petisco e bebidas. Depois começamos o passeio pelo Rio Ayeyarwady com aquela vista maravilhosa do pôr do sol. O passeio custou 8.000 KYAT (equivalente a 8 dólares).

o-que-fazer-em-Bagan

o-que-fazer-em-Bagan

o que fazer em Bagan

O que fazer em Bagan

Visitar um ateliê de Laquerware

O principal artesanto do Myanmar é a Laca e Bagan é o principal produtor, com muitos ateliês pela cidade. Eu comprei algumas pulseiras e um porta jóias de laca numa lojinha em Old Bagan. Não cheguei a visitar nenhum ateliê, mas muita gente recomenda a visita para ver o processo de fabricação.

Subir o Monte Popa

O Monte Popa é uma das montanhas mais sagradas do Myanmar e está localizada a 45 kms de Bagan. Não fiz esse passeio., mas perece ser interessante. Eles acreditam que lá no Monte estão os espíritos de pessoas que já viveram no país e sofreram mortes violentas. Para subir até o topo tem que ter disposição para encarar os 777 degraus.

Vale a pena mencionar que faz muito calor em Bagan e eu não aguentei ficar o dia inteiro rodando não, até porque os meus dias começavam antes do sol nascer. No primeiro dia eu cheguei de madrugada, fui direto para o nascer do sol, fui pro hostel e descansei até a hora do almoço. Depois aluguei a e-bike e saí para explorar com alguns amigos que fiz no hostel. Voltamos e ainda conseguimos pegar o passeio do pôr de sol no barco.

No dia seguinte acordei cedo para o voo de balão e fiz a mesma coisa, descansei um pouco e só saí à tarde de e-bike. Como meus dias começavam muito cedo e eu parava para descansar, senti falta de um dia a mais. Já se você conseguir fazer tudo numa batida só, acho que 2 dias é suficiente.

Bagan é um daqueles lugares que vão ficar pra sempre na memória. Gostaram das dicas sobre o que fazer em Bagan?

Leia também: Dicas de Kuala Lumpur

 

 

 

Reserve sua viagem conosco

Se você gostou do nosso conteúdo, ajude a manter o blog planejando sua viagem através dos nossos links. Ao utilizar nossos links durante a reserva do seu hotel, compra do seguro viagem e demais serviços você gera uma pequena comissão para o blog. Você não paga nada a mais por isso e ainda nos motiva a continuar compartilhando nossas dicas aqui. Todos os serviços citados aqui são os que nós usamos em nossas viagens e são de nossa confiança.

Fique por dentro das promoções de passagens
Reserve seu hotel no Booking
Ganhe R$130,00 de desconto no Airbnb
Ganhe 5% de desconto no Seguro Viagem
Adquira seu chip de internet 4G
Alugue seu carro com desconto
Compre seu ingresso antecipadamente

Baixe Grátis o e-book Como Viajar Gastando Pouco

Livro Como Viajar Gastando Pouco

0 Comentários
Escreva seu comentário
Instagram
@seguindo_viagem
css.php