Fechar
França, Neve

Snowboard no Club Med Val Thorens Sensations

12 de Março de 2018

No carnaval desse ano fiz uma Snow Trip com alguns amigos para o Club Med Val Thorens Sensations e foi demais. Minha primeira Snow Trip foi em Nevados de Chillán com minha amiga Raquel do Blog Vamos pra Onde, que me apresentou o esporte e fez com que eu me apaixonasse de cara. Agora estou eu aqui viciada já pensando na próxima viagem.

O Club Med Val Thorens Sensations é maravilhoso, nós amamos tudo, ótima localização, instalações excelentes, comida deliciosa e variada e equipe muito simpática e animada.

Club Med Val Thorens Sensations

Club Med Val Thorens Sensations

Localização do Club Med Val Thorens Sensations

Val Thorens é uma estação de esqui localizada nos Alpes Franceses que faz parte da maior área esquiável do mundo, o Les Trois Vallées, com cerca de 600 quilômetros de pistas.

Snowboard - Club Med Val Thorens Sensations

Snowboard – Val Thorens

Eleita a melhor estação de esqui do mundo, Val Thorens possui uma infra-estrutura excelente, com inúmeros teleféricos dos mais variados tipos, pistas de todos os níveis e um dos melhores points de Aprés Esqui, o badalado La Folie Douce, uma boate ao ar livre no meio da estação, onde a galera se encontra depois do esqui para ouvir uma música, dançar e bater papo.

Snowboard - Club Med Val Thorens Sensations

Val Thorens

Val Thorens é a estação mais alta da região, a 2.300 metros de altitude e de seu ponto mais alto é possível ver vários picos europeus, entre eles o famoso Mont Blanc.

Por estar localizada numa altitude muito elevada, a estação é a primeira a começar a nevar e fica aberta por muito mais tempo, de novembro a maio.

Snowboard - Club Med Val Thorens Sensations

Como chegar em Val Thorens

Os aeroportos mais próximos de Val Thorens são o de Genebra, na Suíça (159 km), o de Lyon, na França (183 km) e o de Turim, na Itália (225 km).

Nós optamos pelo aeroporto de Genebra, na Suíça e de lá contratamos um transfer até Val Thorens. Como estávamos em 4 pessoas compensou muito pegar o transfer. Nesse site você pode conferir outras formas de chegar em Val Thorens  como ônibus ou trem.

As Estações de Trem Moûtiers, Salins e Brides-les-Bains ficam a 1 hora do Club Med.

 

Nós reservamos tudo com a agência de turismo Greenwith Tours, tanto o Club Med quanto as passagens e recomendamos muito o serviço deles.

Não esqueça de fazer também um seguro viagem que cubra esportes radicais.

 

Vantagens de ficar no Club Med

  • Ski In / Ski Out – Você sai do hotel esquiando
  • Passe da Montanha incluído
  • Aulas de Ski e Snowboard incluídas todos os dias de manhã e de tarde
  • Sistema All Inclusive – Todas as refeições e bebidas incluídas e de primeira qualidade
  • Entretenimento – Shows e Apresentações temáticas

Uma curiosidade é que os brasileiros dominam o Club Med, era português o tempo todo, no elevador, no restaurante, no bar. Isso pode ser uma vantagem para quem acha mais fácil se enturmar com brasileiros ou uma desvantagem para quem prefere conhecer gente de fora.

Instalações

Os quartos eram muito confortáveis e amplos. Nosso quarto tinha uma varandinha e ficava bem de frente para o ponto de encontro das aulas.

 Club Med Val Thorens Sensations

Club Med Val Thorens Sensations

O resort possui sala de ginástica, parede de escalada, salão de jogos com um totó para 8 pessoas (nunca tinha visto). Na área externa tem algumas espreguiçadeiras e uma jacuzzi.

 Club Med Val Thorens Sensations

Club Med Val Thorens Sensations

Equipamento de Ski / Snowboard

Dentro do Club Med é possível alugar o equipamento completo, caso você não tenha o seu. Eu aluguei numa loja chamada SKISET, a primeira loja do lado esquerdo assim que sai do Club Med. O preço estava melhor do que no Club Med, paguei 113 euros pelo aluguel do equipamento de snowboard (prancha e bota) por 6 dias.

O restante eu tinha ou comprei lá (roupas impermeáveis, luva impermeável, Goggle, capacete).

No primeiro andar ficam os lockers pra guardar os equipamentos, um para cada apartamento. É bem prático para chegar e sair.

Ski In / Ski Out

Nada melhor do que colocar o snow no pé e sair do hotel esquiando. Não precisa se preocupar em pegar transporte para chegar até as pistas, é muito prático.

Ski In Ski Out

Ski In Ski Out

Aulas de Snowboard

O Club Med oferece aulas de ski e snowboard todos os dias pela manhã de 9h às 12h e à tarde de 14h às 17h. Tem aulas de vários níveis, desde iniciante (nível 1) até avançado (nível 4). Eu fui para a aula do nível 2 porque já tinha feito snowboard uma vez. Meus amigos foram para o grupo avançado, que na verdade é um guia que leva o grupo para esquiar Fora de Pista (onde a neve é bem fofinha).

Nosso grupo era muito bacana e o instrutor, Alex, era muito atencioso e dava várias dicas. Metade da turma era de brasileiros.

Aula de Snowboard no Club Med Val Thorens Sensations

Aula de Snowboard no Club Med Val Thorens Sensations

Consegui acompanhar bem o grupo no nível 2, começamos descendo pistas azuis e no final estávamos pegando algumas vermelhas. A evolução foi enorme do primeiro ao último dia, melhorei muito meu equilíbrio e controle do snow. Nos primeiros dias eu caí muito e fiquei muito cansada também. No final da semana o corpo já estava acostumado e eu estava caindo bem menos.

Snowboard Club Med Val Thorens Sensations

Até arrisquei uns saltos no colchão de ar, foi bem divertido. No início dá um medo de pegar velocidade, mas depois é legal.

Aprés Ski

Uma das horas mais legais do dia era chegar do snow e ficar um pouquinho lá fora curtindo a festinha que o pessoal do Club Med fazia para nos receber.

Era muito legal, todo mundo animado dançando, tinha DJ tocando altas músicas, bebidas e comidinhas rolando, um clima super descontraído, eu amava.

Cada dia era um tema e uma comidinha diferente. Teve churrasco e até fondue de queijo, um luxo!

Depois a gente subia para o bar e ficava conversando sobre o nosso dia, tomando um chocolate quente, delícia demais!

Comida

Todas as refeições do Club Med foram sensacionais. Normalmente a comida desses resorts all inclusive não são tão saborosas, mas a desse Club Med superou todas as expectativas. A comida era muito boa, com uma variedade enorme e ingredientes de altíssima qualidade.

O café da manhã era muito farto. Minhas escolhas eram ovos, bacon e uma panqueca com Maple Syrup, Kiwi e tâmaras.

No almoço e jantar as opções eram infinitas, vários tipos de carnes, peixes, pizza, hambúrguer, massa, sopa, saladas, queijos e mais queijos, sem contar quando tinha raclete, aquele queijo derretido delicioso.

comida do Club Med Val Thorens Sensations

Eu gostava de pegar os pratos montados pelos chefs, sempre tinha uma combinação diferente e deliciosa.

Na parte das sobremesas era até difícil escolher. Todo dia tinha esse festival de sabores de sorvete, sem contar as outras opções de doces, um melhor que o outro.

E o que foi essa fonte de chocolate branco? Eu simplesmente tomei chocolate como se fosse sopa.

Galera reunida no jantar.

O último dia foi o melhor de todos, foi quando a galera saiu para esquiar junto. No sábado não tem aula com os instrutores, o dia é livre para praticar sozinho, então fomos todos juntos descer a montanha. Foi muito maneiro.

A visibilidade tava péssima, mas nós fomos mesmo assim. Descemos uma pista azul, mais tranquila e foi muito engraçado, a gente ria no caminho das bobeiras dos meninos imitando um instrutor nervosinho que xingava o tempo todo, “visibilidade de merrr”, eu ri muito.

No último dia aproveitei para dar uma volta no centrinho de Val Thorens. Lá tem uma galeria com várias lojinhas esportivas e também um espaço com piscina, sauna e uma área com brinquedos para crianças.

É no centrinho que fica também a maior boate de montanha da Europa, a famosa Malaysia. Por fora ela parece mais uma casinha de boneca, mas por dentro ela é enorme. Isso porque ela é uma boate subterrânea e reúne os baladeiros de plantão. Eu infelizmente não tive forças para conhecê-la, o snowboard sugou todas as minhas energias e dormi cedo todos os dias (podem me chamar de fraca, eu aceito).

Numa de nossas andanças pela cidade encontramos esse pequeno iglu, muito bonitinho. Não resisti e entrei pra ver como é lá dentro.

Outros passeios que podem ser feitos em Val Thorens são: Passeio de Trenó, Parapente, Mergulho em lago congelado, Caminhada com raquete, Tirolesa, Kart no Gelo.

Nós fizemos o Kart no Gelo, uma corrida de kart numa pista circular de gelo.

Eu não curti muito a experiência não, morri de frio e pedi pra sair da brincadeira antes de acabar porque meus dedos que estavam necrosando já, rsrs. Sério, tava um frio congelante e meus pés e minhas mãos doeram muito, não aguentei ficar até o final.

A corrida dura 30 minutos, achei muito tempo, 10 minutinhos eram suficientes. Também não achei muita graça, a pista era pequena, com apenas 4 curvas e a gente atolava toda hora no canto da parede. Além disso, ninguém tava marcando tempo nem nada, então não dava pra ver quem estava na frente, não rolava aquela disputa maneira.

O passeio que eu queria ter feito mesmo era o parapente, um sobrevoo de parapente com aquela vista e depois pousar esquiando seria uma experiência fantástica.

Eu amei demais essa viagem e com certeza vou querer repetir todo ano. Vale muito a pena ficar no Club Med nesse tipo de viagem, o melhor custo-benefício.

Essa é a responsável por me viciar nesse esporte:

Junte sua galera e venha curtir o inverno no Club Med.

 

0 Comentários
Escreva seu comentário
Comente via facebook
Instagram
@seguindo_viagem
css.php